14/01/2016

impulsos frios






















Estou preocupado e trémulo com os teus impulsos frios. O teu sadismo cheira a penumbra de raivas histéricas sem direcção. Azedam os meus pensamentos e apetece enterrar-me até aos pés e sentir que o Sol vai nascer outra vez daqui a pouco, devolvendo-me novamente a liberdade.

13 Outubro 2014
14 Janeiro 2016

João Eduardo

Sem comentários:

Enviar um comentário